Alimentação Germinada

Os grãos germinados ou alimentos vivos, como são conhecidos, são considerados alimentos bioativos, ou seja, ativam a vida. Eles recebem esta denominação devido ao processo de germinação pelo qual passam e ao alto valor nutricional que contém.

Ricos em nutrientes os grãos germinados proporcionam muitos benefícios em nosso organismo. Eles podem ter um potencial de vitaminas e minerais até 20 vezes maior que um grão comum, proporcionando uma alimentação muito mais completa.

Estes alimentos são uma das poucas fontes vegetais de vitamina B12 e possuem poucas calorias, propriedades antioxidantes, bem como minerais. Indicados para resolver problemas de descalcificação eles promovem a regeneração celular, estimulam o aumento das defesas imunitárias do organismo humano, além de facilitar as reações metabólicas.
São eliminados compostos inibidores de enzimas (substâncias capazes de acelerar reações como as do processo digestivo)

- Aumenta as enzimas digestivas, melhorando a absorção dos nutrientes. As enzimas podem aumentar em até 800%

- Reduz o ácido fítico (fator anti-nutricional) dos grãos e sementes, aumentando a disponibilidade de nutrientes como zinco, cálcio, ferro e magnésio

- Melhora digestão, transformação e absorção de nutrientes

- Aumenta o teor de lignanas (em 14%) – compostos fitoquímicos similares ao estrogênio, têm propriedades anticancerígenas, principalmente em relação ao câncer de mama e cólon

- Aumenta o teor de nutrientes antioxidantes. As vitaminas e os antioxidantes podem aumentar em até 1000%

- O alimento fica mais estável devido ao aumento da capacidade antioxidante dos grãos e sementes, prevenindo a oxidação (rancificação).

Os alimentos germinados podem ser utilizados em vários tipos de preparações. As farinhas de linhaça germinadas podem ser adicionadas a iogurte, sucos, saladas, frutas ou ainda em pães, massas, sobremesas, tortas salgadas e doces, bolinho de vegetais, muffins, biscoitos. Os grãos germinados podem ser cozidos em água e sal ou acrescentados em saladas e sopas.

Acompanhamento clínico

Redes Sociais